domingo, 24 de agosto de 2014

"Okay."



A meio da tarde de ontem, comecei a sentir-me levemente triste, o que foi aumentando até ir dormir. Assim sendo, ontem não tive cabeça para vir falar-vos do que achei do filme. Hoje, que já estou normal, que já calei os pensamentos ensurdecedores da minha cabeça, cá venho eu.

O filme "A culpa é das estrelas" é muito, muito bom. Acho que foi a primeira vez que vi um filme ser tão fiel ao livro e isso é fenomenal! Gostei muito da Hazel do filme, bastante igual à do livro, fantástico trabalho da atriz. Também o Augustus estava bastante fiel. No entanto, e há sempre um "no entanto", achei o livro mais intenso, mais doloroso. O filme espelhou bem a dor e a tristeza, é um facto e tenho de o referir, mas o livro tocou-me mais. 

Apesar de preferir o livro, o filme é excelente. Quem não viu e gosta do género de filme drama/romance/cena possível de uma vida, deve ver o filme.




9 comentários:

Forasteira disse...

Eu chorei desde do momento em que começou o lógotipo da Fox movies.

A disse...

Também já vi e gostei bastante :)

Catarina Ribeiro disse...

adorei o filme !
gostei do blog e segui (:

Edna Patel disse...

Quero mesmo muito ver o filme :)

JS disse...

Acho que para mim não é o momento para ver esse filme. "Ela" viu ontem e fartou-se de chorar. Como se não lhe bastasse a vida real... :/

Catarina Gomes disse...

vi esta semana também e meu deus do céu.
O livro é aquela coisa, não é ? :)

R: Já sigo o teu blog :D

Ana Rita disse...

Tenho mesmo que ir ver o filme :D

Ligações disse...

Dá para tirar algumas lições e para perceber o que são pequenas infinidades...

Andreia Guerreiro disse...

Vi o filme e li o livro, o livro está muito bom! :)

http://goldentouch-byandreiaguerreiro.blogspot.pt